sexta-feira, 18 de maio de 2012

Cúmplices





Na nossa vida, não havia enfado,
Cúmplices, seguíamos o caminho.
Nossas pegadas, sempre lado a lado,
Não tínhamos sentimento mesquinho.

Das situações tirávamos o espinho,
O desgosto, no afago, era apagado.
Na nossa vida, não havia enfado,
Cúmplices, seguíamos o caminho.

O tempo seguia desapiedado,
E o destino, como um redemoinho,
Cortou nossa sorte com seu cajado,
E eu fiquei no mundo em burburinho.
Na nossa vida, não havia enfado.


Mardilê Friedrich Fabre
Imagem: Google

2 comentários:

Jorge Sader Filho disse...

"Na nossa vida, não havia enfado.
Cúmplices, seguíamos o caminho."
Basta, não?

Carinho,
Jorge

Regina Lyra disse...

Querida MARdilê,
Pareceque tudo tem seu fim?Ou foi eterno até um dia.
Beijos,
Regina Lyra